Foz do Iguaçu cria 1.310 empregos com carteira assinada em 2022

O setor que mais gerou empregos no mês de maio em Foz do Iguaçu foi o comércio, onde ocorreram quase todas as 224 novas contratações do período

Foz do Iguaçu está entre as cidades do Paraná que mais criaram empregos em 2022. Nos primeiros cinco meses do ano foram abertos 1.310 novos postos de trabalho com carteira assinada. Em maio, foram registradas mais 224 novas oportunidades formais no mercado de trabalho.

As informações são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgados na quarta-feira (29) pelo Ministério do Trabalho e Emprego. “Os números comprovam o nosso otimismo em relação à recuperação da economia de Foz do Iguaçu no pós-pandemia”, disse o prefeito Chico Brasileiro.

A expectativa é ainda maior, de acordo com o prefeito, em relação ao desempenho da economia durante o mês de junho. “A geração de novos empregos será ainda mais acentuada em função dos feriados prolongados que tivemos neste período, trazendo mais turistas para os atrativos e ocupações expressivas da rede hoteleira, e o movimento dos bares, restaurantes e no comércio em geral”, ressaltou.

No mês que está se encerrando foram celebrados, além do aniversário do município em 10 de junho, o Dia de São João Batista (padroeiro de Foz) e Corpus Christi. A circulação de visitantes nestas datas especiais aumenta, trazendo ânimo em todos os segmentos econômicos da cidade.

O setor que mais gerou empregos no mês de maio em Foz do Iguaçu foi o comércio, onde ocorreram quase todas as 224 novas contratações do período. A construção civil também deu sinais de recuperação e abriu 72 novas oportunidades de trabalho.

Estadual e nacional

O Paraná, com 13.894 vagas com carteira assinada preenchidas em maio, se isolou como o quarto estado com maior geração de emprego do país em 2022. São 75.990 postos formais criados ao longo desses cinco meses, o melhor desempenho da Região Sul.

Apenas São Paulo (304.328 vagas), Minas Gerais (108.747) e Rio de Janeiro (77.648) contrataram mais pessoas no período. Santa Catarina, com 74.674 admissões, e Rio Grande do Sul, com 66.738, aparecem logo na sequência, atrás do Paraná.

O Caged revelou que o país registrou saldo positivo de emprego com carteira assinada em maio, com 277 mil postos de trabalho. No acumulado de janeiro a maio de 2022, o saldo é de 1.051.503 novas vagas de emprego. Em 12 meses foram criados 2.655.840 postos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *