Quase 6 mil doses de vacinas foram aplicadas em Foz do Iguaçu no Dia D

Segundo balanço da Secretaria Municipal de Saúde, a vacina contra a gripe foi a mais procurada no último sábado (30)

Fotos: Jordan Augusto/PMFI.

De acordo com a Secretaria de Saúde de Foz do Iguaçu, o balanço do Dia D de vacinação contra a gripe, sarampo e Covid-19, no sábado (30), aponta que foram aplicadas 5.758 doses de imunizantes. 

A vacina contra gripe atraiu a maior parte do público com 2.639 doses aplicadas. A de sarampo levou 1.234 usuários às unidades básicas de saúde e outras 1.346 pessoas foram vacinadas contra a Covid-19. Para atualização da carteira de vacinação foram utilizadas 539 doses de outros imunizantes.     

A maioria das 29 unidades básicas de saúde trabalhou com três salas de vacina cada uma. Entre os grupos vacinados ao longo do sábado, estão crianças de seis meses a menores de cinco anos, idosos a partir de 60 anos e trabalhadores da saúde, além dos novos grupos inseridos na 2ª fase da Campanha Nacional de Vacinação. 

As equipes também foram até as residências de pacientes domiciliados e acamados para concluir o trabalho de imunização desse público, que iniciou no dia 04 de abril. Além da vacinação, algumas unidades disponibilizaram equipes para fazer o exame preventivo das mulheres e a pesagem do bolsa família. 

A secretária de Saúde, Jaqueline Tontini, avaliou positivamente o resultado do dia D. “Estamos longe de alcançar o índice ideal”, disse. “Porém, o resultado de sábado é muito positivo, considerando a acomodação da população nessa nova fase. São quase 6 mil doses aplicadas num único dia”, concluiu a gestora. 

Jaqueline ressaltou que, aos poucos, a população está se conscientizando da importância da vacina e vencendo algumas resistências adquiridas durante a pandemia, principalmente em razão de fake news.

Vacinação contra influenza em Foz

Em 30 dias, a Campanha Nacional de Vacinação contra Influenza atingiu 39% (14.183) de um total de quase 36 mil idosos (60 anos ou mais). Os trabalhadores da saúde estão com 22,3% de cobertura; a meta é vacinar 8.838 profissionais. Entre gestantes e puérperas, a campanha alcançou cerca de 2% das mulheres (2,4% e 2%, respectivamente). Do grupo de professores, apenas 5,9% de 3.437 profissionais tomaram o imunizante.

Segundo cadastro do sistema de saúde, o município tem ainda 12.710 portadores de algum tipo de comorbidade; desses, 251 receberam a vacina contra a gripe. Já em relação às crianças na faixa etária de 6 meses a menos de 5 anos, um público de 19.925 pessoas, a taxa de imunização está em 6,1%. 

Também já procuraram as UBS para se vacinar: 25 profissionais das forças de segurança, 13 caminhoneiros, 7 trabalhadores do transporte coletivo;  5 das forças armadas, 1 funcionário do sistema prisional e 1 trabalhador portuário. 

Sarampo

A vacina contra o sarampo foi aplicada em 1.252 crianças de 6 meses a menores de 5 anos (6,3% de 19.925). Entre os trabalhadores da saúde, foram aplicadas 604 doses (6,8% de um total de 8.838 pessoas).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *