Normalização parcial do atendimento nas UBSs

Mais oito unidades de saúde de Foz voltam a atender regularmente nesta segunda-feira

Vinte UBS estavam atendendo exclusivamente pacientes com sintomas respiratórios, agora serão 18 para o atendimento regular; queda nos casos de covid-19 reforçou a decisão

A Secretaria Municipal de Saúde vai retomar o atendimento normal em mais oito Unidades Básicas de Saúde de Foz do Iguaçu, a partir desta segunda-feira (6). Desde a segunda quinzena de janeiro, vinte UBS estavam dedicadas à assistência aos pacientes com sintomas respiratórios, devido ao expressivo aumento de casos de covid-19 e também de influenza.

As unidades que voltam a atender o público geral são a Vila Carimã (Região Sul), Morumbi II e Jardim São Paulo I (Região Leste), Parque Presidente e Vila Adriana (Região Oeste), Três Bandeiras (Nordeste), além da Cidade Nova e Jardim Curitibano (Região Norte). A partir de agora, serão dezoito pontos para atendimento de rotina.

No mês passado, apenas dez UBSs estavam disponíveis para a demanda normal, em decorrência da grande quantidade dos resultados positivos de testes para a covid-19. O município registrou mais de 4 mil casos numa única semana.

O cenário tem apresentado melhora. Há sete dias a Secretaria Municipal de Saúde observa a queda gradativa do número de pessoas contaminadas. A redução foi de cerca de 50%.

“O número ainda é alto e continuamos atentas, mas já nos permite recuar em algumas medidas, entre elas, diminuir os pontos de referência para atendimento dos pacientes sintomáticos”, afirmou a secretária de Saúde, Rosa Maria Jerônymo. A secretária ressalta que aos poucos quem usa a saúde pública pode voltar a fazer suas consultas nas unidades próximas de onde reside.

O número em queda dos casos positivos e a facilidade de acesso da população – distância percorrida para buscar o atendimento de rotina – foram os principais critérios que embasaram a decisão. “Consideramos o número de casos e, principalmente, a dificuldade de quem precisa ir para outras regiões fazer uma consulta ou renovar uma receita, por exemplo”, explicou a diretora da Atenção Básica, Jaqueline Tontini.

Com a redução dos casos, a diretora acredita que as demais unidades voltem a atender regularmente nas próximas semanas. Porém, ela ressalta que, se for necessário, a gestão pode retomar a indicação de UBSs como referência para pacientes suspeitos de estarem contaminados. “Esperamos que isso não aconteça e, em breve, todas as 30 Unidades Básicas de Saúde poderão operar com normalidade”, concluiu.

Link: https://www5.pmfi.pr.gov.br/noticia.php?id=49629

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *